Customizando cortinas

Bateu aquela vontade de dar uma mudada no visual da sala? Que tal começar a transformação a partir das cortinas? Com ideias simples de customização você pode revitalizar uma peça bastante usada ou incrementar aquela outra recém-adquirida, considerada básica demais.

Vários são os materiais que podem ser aplicados: tintas, botões, fitas, rendas, retalhos, etc. O importante é manter o bom senso e não produzir algo carregado demais, caso prefira, contrate um decorador para te ajudar, no GetNinjas você encontra bons decoradores de maneira rápida e fácil.

customizando cortinas com retalhos de tecidos colados

Cortina customizada com retalhos de tecidos
Fotos: Marcos Lira | Customização: Casa

Em peças muito grandes como as cortinas, o ideal é justamente que se faça pequenas alterações. O acréscimo de um detalhe já é suficiente para destacá-la no ambiente. Este detalhe pode ser uma barra, um traço horizontal, um contorno das extremidades ou simplesmente um trabalho mais elaborado nas alças.

E dá pra fazer algo requintado sem usar máquina de costura? A resposta é sim!
Usando apenas tinta, por exemplo, dá pra desenhar ramos, flores e outros traços. E é bom lembrar: não precisa ser um artista habilidoso para conseguir um efeito bacana. Com ajuda de um estêncil – encontrado facilmente em armarinhos nos mais diversos moldes – chega-se a resultados incríveis!

customizando cortinas com fitas coloridas pregadas

Cortina customizada com fitas coloridas
Fotos: Marcos Lira | Customização: Casa

Mas se a opção for as fitas, dá pra fazer a aplicação tranquilamente usando cola para tecido. Basta fazer a colagem com cautela para que o trabalho fique delicado e bem acabado, prestando muita atenção ao retirar os excessos e atendando-se para que a colagem fique uniforme ao longo de toda a peça.

customizando cortinas com argolas

Cortina customizada com argolas
Fotos: Marcos Lira | Customização: Casa

É muito interessante que o trabalho desenvolvido na cortina leve em consideração o espaço que ela vai ocupar posteriormente. Salas que não possuem paredes neutras, por exemplo, não podem abrigar cortinas muito estampadas, ou enfeitadas demais. Do mesmo modo, deve-se manter detalhes mais delicados nas cortinas, caso os sofás ou as almofadas tenham excesso de cores e desenhos.

author avatar

Artigo escrito por GetNinjas

GetNinjas escreve no Customizando como um autor convidado.
Site

Deixe uma resposta

(*) Required, Your email will not be published